Construa uma lista de não-tarefas e ajude a sua produtividade - Hub Plural

blog

Construa uma lista de não-tarefas e ajude a sua produtividade

Você já reparou que todo planejamento semanal geralmente contém uma lista de atividades que precisam ser feitas? 

Planejamos cada checklist e sentimos prazer em ir se livrando de cada pendência. Mas será que isso é suficiente para gerenciar a sua produtividade? A resposta, para muita gente, é um sonoro NÃO.

Isso porque os planejamentos em geral são eficientes, mas não resolvem todo o problema. Mas calma lá! Não estamos dizendo que você deve abandonar os planejamentos semanais, mensais e por aí vai… Não é isso!

Queremos apenas chamar a atenção para um outro lado dessa moeda que é pouco visto e acaba passando batido. Tão importante quanto planejar e executar as tarefas planejadas, é ter consciência do que não deve ser feito. E aí, te perguntamos: você sabe o que não deve fazer?

O que realmente nos rouba o nosso precioso tempo são aquelas coisas que não devemos fazer, mas que mesmo assim a gente faz.

Como, por exemplo, fazer uma super organização na estante em um dia que você tenha prazos e outras atividades prioritárias para cumprir. Ou mesmo marcar várias reuniões para um dia que, na verdade, precisaria ser dedicado a outras atividades mais necessárias para aquele momento da semana.

É por isso que uma lista do que não deve ser feito, pode te ajudar. Confira 3 dicas para colocar a proposta em prática:

 

1 – Antes de tudo, observe o que te atrapalha no seu dia e faça uma lista. O ideal é fazer isso durante uma semana para ter uma noção geral do que realmente atrapalha a sua produtividade a cada dia.

2 – Confira essa lista e separe as tarefas vilãs por categorias. Essas tarefas “vilãs” são aquelas que não são realmente necessárias de serem feitas naquele dia, mas que precisam ser realizadas em algum outro momento.

3 – Organize a sua agenda de modo que as tarefas vilãs sejam acomodadas em dias que fazem mais sentido para você, sem ocupar o tempo precioso de dias mais corridos e que têm outras necessidades. 

 

Agora é só organizar direitinho e tocar a semana numa boa, sem aperreio. Vamos nessa?